quarta-feira, 29 de maio de 2013

O susto...



Sábado dia 25 de maio acordei no susto, mas foi engraçado o primeiro chute do meu bebê...
Fiquei rindo sozinha, é muito engraçado tão pequeno e tão forte, será que ele vai ser o novo Anderson Silva, rs...
Também com tão pouco espaço ele deve ficar pensando que mamãe pequena, mas com um coração grande só esperando a sua chegada...

O susto não para por aí... No domingo após todos saírem fui tomar o banho eu não acreditei, eu estava sangrando, uma quantidade grande, não sabia o que fazer e pra quem ligar. Liguei logo para minha cunhada e foi quando ela disse, corre pro hospital que isso é sério. Minhas cunhadas são tudo, uma ligou pra outra, para ir me buscar e me levar correndo para hospital.

Já na recepção do hospital continuei recebendo susto. Senhora, o seu plano foi cancelado, a Senhora só poderá usar até o final do mês. É né fazer o que, se você esta falando... Amanhã eu resolvo na empresa.  Agora eu só quero ser atendida e vê se esta tudo bem com o meu filho... Não contava com isso... quem pode esperar.

A médica me examinou, fiz a ultra e estava tudo bem com o bebê, então ela me liberou e disse que a vida continua.... Então!!! o profissional me liberou, eu voltei fazer tudo de costume. Fui para academia, o professor me mandou embora e lógico pediu para eu procurar outro médico, e quando cheguei no trabalho e falei para minha comadre o que tinha acontecido, ela ficou super agitada e nervosa, e me chamando de lerda... Porque será!!!  Todos do trabalho ficaram nervosos com o meu sangramento, a minha comadre me acompanhou  até o SUS indicado por uma colega do trabalho, pelo incrível possa aparecer o SUS fui super bem atendida, a médica me explicou todas as possibilidades que poderiam ter ocasionado o sangramento e me receito dois remédios, que iniciei no mesmo dia.

UFA!!! que sessões de sustos... Agora esta tudo calmo e resolvido...

Aprendi que devemos sempre agradecer por tudo que acontece em nossas vidas, nunca sabemos o que DEUS tem pra nos dar, mas Ele conhece nossos corações, nossos medos e nossas necessidades.